.posts recentes

. Fontes

. Questões

. Sistemas de Transporte no...

. Sistema circulatório fech...

. Plantas vasculares

. Limitações dos Modelos

. Hipótese da Tensão-Coesão...

. Hipótese da Pressão Radic...

. Hipótese do Fluxo de Mass...

. Sistemas de Transporte na...

.Objectivos do Blog

•Organizar e apoiar a aprendizagem relativa à temática: “Transporte nas Plantas e nos Animais”;
•Permitir uma reflexão sobre as actividades abordadas ao longo das aulas;
•Divulgar no cyberespaço o trabalho e as reflexões da turma;
•Permitir um espaço de interacção;
•Construir um instrumento de avaliação.

.arquivos

. Março 2008

Free Image Hosting at www.ImageShack.us
Free Image Hosting at www.ImageShack.us
Free Image Hosting at www.ImageShack.us
Free Image Hosting at www.ImageShack.us
Free Image Hosting at www.ImageShack.us
Free Image Hosting at www.ImageShack.us
Segunda-feira, 10 de Março de 2008

Sistemas de Transporte nos animais

Sistema Aberto

Quando comparamos sistemas circulatórios constatamos que existe um padrão comum.

- um órgão propulsor que impulsiona o fluido circulante a todo o corpo;

- um sistema de vasos que encaminha o fluido circulante para as diversas direcções.

Muitos invertebrados como os artrópodes e certos moluscos apresentam um sistema circulatório onde o fluido circulante - hemolinfa- nem sempre se encontra dentro de vasos, saindo por vezes para espaços/cavidades chamadas lacunas - vaso dorsal com uma zona contráctil.



 

 

Sistema Fechado

A evolução, foi ao longo do tempo, acrescentando aos sistemas mais simples:

- um sistema arterial que distribui o sangue a todo o corpo e funciona como um reservatório de pressão;

- capilares que permitem as trocas de materiais entre o fluido circulante e os tecidos;

- um sistema venoso que traz o sangue de volta oa coração e que funciona como reservatório de volume de sangue.

Este tipo de sistemas é considerado sistema circulatório fechado. O sangue circula sempre dentro de vasos e as trocas decorrem através das respectivas paredes.


 

 



No caso da minhoca, existem dois vasos principais, um dorsal que funciona como um coração (impulsiona o sangue por ondas de contracção) e outro ventral, ligados por vasos laterais que ramificam formando redes de capilares onde ocorrem trocas de substâncias com fluido intersticial. Existem, na parte anterior da minhoca, 5 a 7 pares de vasos laterais (arcos aórticos ou corações laterais) que possuem zonas contrácteis que impulsionam o sangue do vaso dorsal para o vaso lateral.

Nas espécies de vertebrados o sistema circulatório é fechado, o sangue é impulsionado pelo coração através de um sistema de vasos sanguíneos.

Os animais das diferentes classes de Vertebrados apresentam uma constituição no número de aurículas e ventrículos variável, assim como o número de vasos ligados directamente ao coração. Independentemente das diferenças, em todos eles, o sangue que circula em veias, chega às aurículas, passa para os ventrículos e sai do coração para todo os órgãos circulando por artérias.





                                                                                                                                                       Sónia


publicado por 10CT4 às 21:14

link do post | comentar | favorito

.O nosso Blog

Olá! Somos da Escola Secundária Martins Sarmento, do 10º Ano da Turma CT4 e construímos este Blog para informarmos as pessoas sobre as nossas aulas de Biologia e Geologia.

Esperemos que gostem!

.Mais sobre nós

.pesquisar

 
Free Image Hosting at www.ImageShack.us
Free Image Hosting at www.ImageShack.us
Free Image Hosting at www.ImageShack.us
Free Image Hosting at www.ImageShack.us
Free Image Hosting at www.ImageShack.us
Free Image Hosting at www.ImageShack.us

.subscrever feeds